Raízes do Gigante: Há quase 113 Anos, o Corinthians Estreava em sua primeira partida com Coragem e Paixão

No dia 10 de setembro de 1910, apenas nove dias após sua fundação, o Corinthians dava os primeiros passos de uma jornada lendária. Em seu jogo inaugural contra o União da Lapa, um time da várzea paulistana, o Timão enfrentou desafios, incluindo uma derrota por 1 a 0. Porém, o verdadeiro triunfo estava na realização do sonho de um grupo de operários do Bom Retiro, que, com uma bola comprada por vaquinha, fundou o que se tornaria o clube mais amado e popular da maior cidade do Brasil. Essa derrota inicial não foi um revés, mas sim o prólogo de uma história grandiosa que ressoa até os dias de hoje.

Dez 13, 2023 - 00:58
 68
Raízes do Gigante: Há quase 113 Anos, o Corinthians Estreava em sua primeira partida com Coragem e Paixão
Estreia do Corinthias em 1910

Em 10 de setembro de 1910, o Corinthians iniciava sua saga lendária nos campos de futebol. Meros nove dias após a corajosa fundação do clube, o Timão escrevia as primeiras linhas de uma história que ecoaria através dos tempos. O adversário da estreia foi o União da Lapa, um time da várzea paulistana que, naquele momento, não imaginava que estava enfrentando o início de uma lenda.

Antes mesmo de se tornar o Gigante que conhecemos hoje, o Corinthians tinha humildes origens entre um grupo de operários do Bom Retiro. Sua trajetória começou com a compra de uma bola, custeada por uma vaquinha entre os moradores do bairro. O primeiro treino foi realizado, e o sonho começava a se tornar realidade.

A formação inicial do Corinthians para esse jogo histórico incluía nomes que, ao longo dos anos, seriam reverenciados pelos apaixonados torcedores: Valente, Perrone e Atílio; Lepre, Alfredo e Police; João de Silva, Jorge Campbell, Luiz Fabi, César Nunes e Joaquim Ambrósio.

O adversário, União da Lapa, saiu vitorioso com um placar magro de 1 a 0. No entanto, essa derrota não apagou a chama que ardia nos corações daqueles jogadores intrépidos e sonhadores. O verdadeiro triunfo estava na concretização do sonho, na transformação do Corinthians de uma ideia humilde para o clube mais popular da maior cidade do Brasil.

Essa partida inaugural foi muito além de um simples resultado. Foi o prólogo de uma narrativa grandiosa, onde a coragem, a paixão pelo futebol e a resiliência se tornaram as marcas registradas do Corinthians. Uma derrota no placar, mas uma vitória imortalizada nas raízes profundas do Gigante que despertou naquele dia e nunca mais deixou de brilhar.

Jonas Henrique Nasceu em São Paulo (SP) e cursou jornalismo na Faculdade Cásper Líbero.